Você sabe a diferença entre diet e light?

dietxlight.png

     

      É notório o crescente consumo de produtos diet e light, muitas vezes os consumidores adquirem esses produtos sem ao menos entender o que essas denominações querem dizer e chegam a acreditar que os termos são sinônimos.

Muitos se perguntam, o diet e o light ajudam a emagrecer? Entre o chocolate diet e light, qual não tem açúcar? Posso comer alimentos light sem medo de engordar?

      Com essa matéria, tire suas dúvidas, entenda as características de cada um e saiba como escolher a melhor opção para sua alimentação.

 

Diferença entre diet e light

 

      O termo Diet é utilizado para atender pessoas que tenham necessidade de uma formulação especial em sua alimentação, sem ser necessariamente um produto menos calórico que o convencional. Ele deve ser isento de algum nutriente, porém é substituído por outro ingrediente. Os produtos diet são utilizados para atender pessoas com alguma restrição dietética, como diabéticos (restrição de açúcar) e hipertensos (restrição de sódio.

      É válido ressaltar que o alimento diet nem sempre apresenta redução no valor energético  e sim ausência de algum nutriente. Um exemplo clássico é o chocolate diet, apresenta ausência de açúcar, em contrapartida é rico em gordura, podendo ser até mais calórico e ter mais gordura que o chocolate tradicional, portanto não é indicado para quem quer perder peso.

      Já para ser light, o produto deve ter redução de no mínimo 25% de algum nutriente ou do valor calórico total em relação ao produto de mesma marca no tipo convencional e não é utilizado para fins especifico como os produtos diet.

      O iogurte light, geralmente é produzido com leite desnatado e sem açúcar, mas pode ser acrescido de mel ou outro adoçante artificial, alguns queijos e requeijões light têm menos calorias por reduzir gorduras; entretanto, para manter a consistência, aumenta-se o sal.

      Tanto alimentos diet quanto light não têm necessariamente o conteúdo de açúcares ou energia reduzido. Podem ser alteradas as quantidades de gorduras, proteínas, sódio, entre outros; por isso a importância da leitura dos rótulos.

Dicas

      Faz-se necessário analisar nos produtos light e diet, os ingredientes e  sempre ler os rótulos e compará-los com o do alimento convencional, para verificar se  atendem às suas necessidades e objetivos.

      Nenhum alimento deve ser consumido em excesso. Quando se trata dos alimentos diet e light a ingestão também deve ser controlada, exageros podem prejudicar uma dieta para redução de peso.  

      No caso do produto diet, o consumo deve ser feito posteriormente à orientação de um médico ou nutricionista e precisa estar baseado nas necessidades individuais e predisposição a doenças de cada indivíduo.

 

 Nutricionista  Maira Chiquito Alves

CRN: 8431

 

Matéria publicada em: 06/12/17

Conheça os nossos Produtos

Nossos produtos são fabricados seguindo os mais rigorosos processos de fabricação.